Oportunidade

Convênio entre OAB-ES, Sindiadvogados e Sebrae-ES vai fomentar empreendedorismo na advocacia



Um convênio de cooperação técnica firmado entre a OAB-ES, o Sindiadvogados e o Sebrae-ES vai possibilitar a capacitação de advogados e escritórios de advocacia para competitividade e organização empresarial. Trata- se do projeto “Melhoria da Gestão e Fomento ao Empreendedorismo da Advocacia Capixaba”.

A assinatura do convênio entre as instituições será nesta sexta-feira (28/08) durante a solenidade on-line de entrega de carteiras da OAB-ES às 16 horas no aplicativo Zoom. Para participar se inscreva no link https://us02web.zoom.us/webinar/register/WN_WvmY0CfXT5OSQIdkBeasbQ
  
No evento, o diretor-superintendente do Sebrae-ES, Pedro Rigo, apresentará a palestra "Gestão de Escritórios de Advocacia". 

O projeto tem início após a assinatura do convênio e terá duração de 10 meses. Inicialmente será realizado na Região Metropolitana da Grande Vitória (Cariacica, Fundão, Guarapari, Serra, Viana, Vila Velha e Vitória) e depois será expandido para todo o Estado.

Além do fomento ao empreendedorismo dentro da advocacia, o convênio busca produzir conteúdo informativo por E-books e de vídeos com temáticas jurídicas de interesse das micro e pequenas empresas, que serão produzidos e distribuídos, gratuitamente, por meio dos canais de comunicação do Sebrae-Es, OAB-ES e Sindiadvogados-ES e atendimento por meio de plantões com orientação jurídica às MPE´s capixabas.

Todos os advogados e escritórios participantes do projeto terão acompanhamento na gestão dos seus empreendimentos e valores diferenciados nos serviços prestados pelo Sebrae-ES

O presidente da Comissão Especial da Advocacia Empreendedora e Defesa dos Direitos das Micro Pequenas Empresas da OAB-ES, Ben-Hur Farina, um dos idealizadores do projeto, fala sobre a ação. “Este é mais uma prova do trabalho da atual gestão da OAB-ES, inovadora e moderna. E essa parceria com o Sebrae é uma aliança estratégica que beneficiará a advocacia capixaba. Vamos oferecer instrumentos para que os advogados consigam exercer a profissão com qualidade e aprenda a gerir seu ambiente de negócio. O convênio cooperação técnica dará essa oportunidade para os advogados se aprimorarem e quem também ganhará com isso é a sociedade”, disse Ben-Hur.
keyboard_arrow_up