(27) 3232-5600
     
 
NOTÍCIAS
 
OAB-ES adere ao Movimento de Combate à Violência Contra a Mulher
10 de Outubro de 2017 • 15h58
OAB-ES adere ao Movimento de Combate à Violência Contra a Mulher
Vice-presidente da Ordem, Simone Silveira participou do lançamento do movimento. Foto: Divulgação.

A OAB-ES participou nesta terça-feira (10), da solenidade de lançamento da Campanha do Governo do Estado,  "Movimento de Combate à Violência Contra a Mulher", realizado no Palácio Anchieta, em Vitória. A Ordem foi representada por sua vice-presidente, Simone Silveira, pela vice-presidente da Comissão de Direitos Humanos, Flavia Murad e pela vice-presidente da Comissão da Mulher Advogada, Maria Teresa Colli Rosindo, além das advogadas Maria Amélia Simões, Maria Aparecida Campos, Edilamara Rangel e Vanessa Santa Bárbara. 

A vice-presidente da Ordem, Simone Silveira, destacou a importância do movimento de conscientização e sobre a necessidade de combate a todos os tipos de violência contra a mulher, em especial o  feminicídio. O "Movimento" convoca a todos os homens e mulheres à essa luta, que é da sociedade, contra o feminicídio e a violência doméstica."

Segundo as estatísticas apresentadas pelo Secretário de Segurança Pública no Estado do Espírito Santo, já há relatos de aproximadamente 100 feminicídios  somente no ano de 2017.

"Precisamos reverter esse quadro. É importante que todos os cidadãos, homens e mulheres, que tiverem conhecimento de violência, passem a se indignar e reagir. Esse é um compromisso de toda a sociedade",  declarou Simone Silveira.

VEJA O VÍDEO DA CAMPANHA:


Para a vice-presidente da Comissão da Mulher Advogada, mais políticas públicas são necessárias para reverter o quadro de violência. "Todos precisam se envolver, entretanto, é necessário que existam políticas públicas fortalecidas e estruturadas, principalmente na prevenção da violência que sofrem as mulheres de nosso Espírito Santo", disse Maria Teresa. 

"Convido todos advogados e advogadas a propagarem junto as suas familias e amigos a campanha. Temos o dever de denunciar o problema que é de todos. Não podemos nos calar", disse Vanessa.

Já para a vice-presidente da Comissão de Direitos Humanos da Ordem, Flávia Murad, a campanha é de vital importância. "O objetivo é englobar a sociedade no combate à violência contra a mulher. E é mesmo necessário integrar todo o Estado para que esse problema seja superado", reforçou. 

O Estado informou os canais para denúncias disponibilizados tanto pelo telefone 181 como pela internet. A Ordem  vai atuar para reduzir os altos índices de violência contra a mulher com campanhas educativas e de conscientização. 

.#SóQueméMulherSabe #ChegadeViolência

Galeria de Fotos
 
     
 
© 2017 • Ordem dos Advogados do Brasil - ES • Todos os direitos reservados!