Explosão e mortes no Líbano

Nota de Pesar



A Advocacia capixaba recebeu, através da Comissão de Direito Internacional - OAB/ES, com muito pesar, a notícia das explosões ocorridas na região
portuária de Beirute, capital do Líbano. De acordo com as autoridades libanesas, a explosão foi causada em local onde material altamente explosivo (nitrato de amônio) estava armazenado. Os dados ainda não são precisos, mas, até o momento, estima-se que mais de 100 pessoas morreram e cerca de 4 mil ficaram feridas. Segundo a Cruz Vermelha, vários desses feridos estão em situação crítica.
Em um mundo já abalado por uma Pandemia de larga escala, um acontecimento como este atesta ainda mais a fragilidade do ser humano. Por isso, é dever da advocacia auxiliar no estreitamento dos laços de solidariedade entre os povos, exercendo o seu papel na busca por justiça.
Manifestamos nossa solidariedade ao povo libanês e aos milhares de cidadãos brasileiros que moram no Líbano. Ainda nos solidarizamos com a comunidade libanesa que vive no Brasil – e em especial, no Estado do Espírito Santo – que, por tantos anos, tem se dedicado ao desenvolvimento do comércio e da sociedade brasileira e capixaba.
keyboard_arrow_up