Dativos: Corregedor intima advogados com mais de 30 processos para esclarecimentos

Determinação da Corregedoria da OAB-ES. Foto: Divulgação.
Determinação da Corregedoria da OAB-ES. Foto: Divulgação.

O presidente da Ordem dos Advogados do Brasil – Seção Espírito Santo (OAB-ES), Homero Mafra, encaminhou cópia da denúncia de possível favorecimento na nomeação de Dativos para a Corregedoria da Ordem que, ao receber o pedido de providências, intimou advogados e advogadas com mais de 30 processos para prestar esclarecimentos.

 O Corregedor da OAB-ES, Diogo de Souza Martins, quer esclarecimentos sobre o elevado número de distribuições para as mesmas pessoas, em detrimento de dezenas de outros profissionais inscritos nas Comarcas para a mesma função. Após os fatos noticiados pela OAB-ES, será apurado possível favorecimento pessoal de captação de clientela.

Saiba

A OAB-ES encaminhou denúncia à Corregedoria Geral de Justiça do TJES sobre direcionamento nas nomeações de dativos. São apontadas irregularidades em pelo menos cinco comarcas: Vitória, Vila Velha, Cariacica, Serra e Viana. Segundo a Ordem no Espírito Santo, alguns desses dativos, em um ano de trabalho, foram nomeados em mais de 120 ações.

Mais

O mesmo levantamento realizado na Grande Vitória será feito em todos os municípios do Espírito Santo. O objetivo da OAB-ES é garantir lisura e transparência na nomeação de Dativos no Estado.

keyboard_arrow_up