Conselho da OAB-ES aprova revisão na tabela de honorários

Reunião do Conselho Seccional em 27-04. Foto: Divulgação.
Reunião do Conselho Seccional em 27-04. Foto: Divulgação.

O Conselho Seccional da Ordem dos Advogados do Brasil – Seção Espírito Santo (OAB-ES), atendeu a um pleito da jovem advocacia e aprovou na última reunião, realizada no dia 27 de abril, a redução do valor cobrado por consulta, formando uma comissão especial com o objetivo de revisar a Tabela de Honorários e Diligências.

A proposta aprovada pelo Conselho partiu da Comissão Estadual de Advogados em Início de Carreira (CEAIC), e tem por objetivo estimular a cobrança por consulta, o que não é verificado atualmente e pode gerar o aviltamento de honorários.

Presidente da CEAIC, Natálya Assunção destacou a importância da aprovação da medida e disse que agora vai lançar uma campanha para conscientizar, principalmente os jovens advogados, sobre a cobrança da consulta.

“É preciso saber que o advogado ao receber o cliente em seu escritório, ou em qualquer outro lugar, está realizando uma consulta e ela deve ser remunerada”, avaliou.

Natálya fez questão de reforçar que ao reduzir o valor o objetivo não é desvalorizar o trabalho, mas sim fazer com que essa medida seja efetivamente colocada em prática. Ainda não existe um prazo para a reforma da tabela e divulgação dos novos honorários.

keyboard_arrow_up