Colégio de Presidentes de Subseções cria grupo de estudos para interiorizar a ESA

Presidentes de Subseções reunidos na sede da OAB-ES com a diretoria da Seccional. Foto: Divulgação.
Presidentes de Subseções reunidos na sede da OAB-ES com a diretoria da Seccional. Foto: Divulgação.

O Colégio de Presidentes de Subseções da Ordem dos Advogados do Brasil – Seção Espírito Santo (OAB-ES), criou na reunião desta sexta-feira (25) um grupo de estudos que ficou com a responsabilidade de desenvolver um projeto de interiorização da Escola Superior da Advocacia (ESA/OAB-ES).

Uma das ideais levantadas na reunião foi a criação de polos em cidades como Cachoeiro de Itapemirim e Linhares para distribuir os cursos da ESA. Também se falou na organização de um calendário anual com os cursos disponíveis.

“A ESA deve ter um planejamento para interior com cursos presenciais, ainda que não seja todos os meses, mas a cada trimestre. Mesmo que seja em uma cidade polo, enfim. Entendemos que a interiorização da Ordem passa pela interiorização da ESA. Vamos preparar uma proposta indicando as demandas que nós temos e ela será encaminhada ao Conselho Seccional para que a ESA seja acionada e possa preparar um planejamento para prestigiar o interior”, disse o presidente do Colégio, Robson Louzada.

O grupo é formado ainda pelos presidentes das Subseções de Guaçuí, Luiz Sardenberg Moulin, Guarapari, Jedson Maioli e Rodrigo Dadalto, Linhares. 

O colégio aprovou também que todas as reuniões em 2017 serão realizadas em Vitória. Ainda no encontro desta sexta, o Corregedor da Ordem, Diogo Martins, visitou o colegiado e tirou dúvidas dos presidentes de Subseções sobre o funcionamento do Tribunal de Ética e Disciplina (TED).

Corregedor da Ordem, Diogo Martins, participa da reunião. Foto: Divulgação.



“É necessário dar conhecimento ao trabalho que está sendo feito pelo TED, a reformulação por qual ele passa e o novo empenho da gestão para trazer assertividade para as questões éticas da advocacia. Essa parceria deve acontecer entre Tribunal de Ética, Corregedoria e Subseções, uma vez que muitas têm Conselho e julgam processos. Penso que isso é importante e deva ser repetido”, avaliou Diogo Martins.

Encerramento

A última reunião do Colégio de Presidentes de Subseções da OAB-ES foi encerrada pelo presidente da Seccional, Homero Mafra, que agradeceu a todos pelo empenho e trabalho realizado ao longo do ano. A expectativa do presidente é inaugurar novas sedes de Subseção nos próximos meses.  

keyboard_arrow_up