Ciclo de palestras reúne 600 pessoas

O ciclo de palestras da Semana do Advogado, realizado pela Escola Superior de Advocacia da OAB-ES (ESA), reuniu na noite de ontem (12), no hotel Aruan, em Vitória, cerca de 600 pessoas.

A abertura solene do evento contou com a presença do presidente da Seccional, Antonio Augusto Genelhu Junior; do diretor da ESA, Djalma Frasson; e demais membros da diretoria da OAB-ES, da ESA, advogados e autoridades do judiciário.

Ao citar a importância do evento, Genelhu ressaltou a constante preocupação da Ordem em oferecer um serviço de qualidade ao cidadão por meio de seus profissionais. "O Exame de Ordem é uma das formas de tentar garantir que o serviço público prestado pelo profissional seja de qualidade; outra forma são as constantes qualificações realizadas pela ESA".

Segundo o diretor da ESA, Djalma Frasson, "o ciclo é uma forma de promover o debate sobre relevantes assuntos do meio jurídico, explanados por profissionais de renome na área".

A primeira palestra da noite foi proferida pela ministra do Superior Tribunal Militar (STM), Maria Elizabeth Teixeira Rocha. Elizabeth falou sobre a importância da permanência do princípio do Quinto Constitucional no Poder Judiciário como regra constitucional.

Na programação, destaque também para a palestra do desembargador do Tribunal de Justiça de Minas Gerais, Elpídio Donizetti que fez uma crítica sobre o devido Processo Legal. "Na prática há nada de legal. É autocrático e arbitrário", enfatizou. A última palestra foi do diretor de Pós-Graduação em Direito da VRB, Rodrigo Ribeiro Bastos, que falou sobre a desconsideração da pessoa jurídica no processo judicial.

keyboard_arrow_up