Reeducandos

OAB-ES doa carteiras escolares e ajuda na ampliação da oferta de educação na penitenciária semiaberta de Cariacica (PSC)

Comissão de Direitos Humanos (CDH), da Ordem dos Advogados do Brasil, Seccional Espírito Santo (OAB-ES), representada pela sua presidente, Manoela Soares, e pelos membros Jacimar Bom-Fim, Julio Cesar Nonato Viana e Jamily Soeiro Bonatto Baptista, formaliza a entrega da doação de 22 carteiras escolares na Penitenciária Semiaberta de Cariacica (PSC)
Comissão de Direitos Humanos (CDH), da Ordem dos Advogados do Brasil, Seccional Espírito Santo (OAB-ES), representada pela sua presidente, Manoela Soares, e pelos membros Jacimar Bom-Fim, Julio Cesar Nonato Viana e Jamily Soeiro Bonatto Baptista, formaliza a entrega da doação de 22 carteiras escolares na Penitenciária Semiaberta de Cariacica (PSC)


Na manhã do último dia 09 de maio, a Comissão de Direitos Humanos (CDH), da Ordem dos Advogados do Brasil, Seccional Espírito Santo (OAB-ES), representada pela sua presidente, Manoela Soares, e pelos membros Jacimar Bom-Fim, Julio Cesar Nonato Viana e Jamily Soeiro Bonatto Baptista, esteve na Penitenciária Semiaberta de Cariacica (PSC) para formalizar a entrega da doação de 22 carteiras escolares.

O material doi diponibilizado pela Subseção de São Mateus, através de sua presidente Lívia Batista Barcelos, que as doou a pedido da Comissão. Já o  transporte das mesmas até a PSC foi graças à ajuda das advogadas e membras da Comissão, Lharyssa de Almeida Carvalho e Kellen Coelho Pereira, que providenciaram, por meio de ofício, o registro da doação ao setor de patrimônio da Secretaria de Estado de Justiça (Sejus).

A presidente da CDH, Manoela Soares, na ocasião, aproveitou para registrar que: “As carteiras já estão dispostas aos Reeducandos, portanto, a sala de aula está apta ao uso e à presença dos internos para os estudos. Ela só não está cheia completamente, ainda, em razão da unidade estar em período de saída temporária, e, por isso, alguns internos que possuem o direito de frequentar a escola não  estarem usufruindo do benefício. Essa ação é uma demonstração de preocupação da Comissão no processo de Ressocialização da População Carcerária e ao Direito à Educação Básica de toda população”.

Manoela Soares explica que de outubro de 2021 até maio de 2022 a PSC elevou o número de aproximadamente 40 internos remindo pena para mais de 200, em vista de uma população carcerária de 380.

"Atualmente, existem na Penitenciária Semiaberta de Cariacica (PSC) diversas frentes laborais: a educação, a manutenção, a oficina elétrica, a horta, a costura, a música clássica e a aula básica de hebraico".

Segundo o diretor da PSC, Pablo Souza: “Mais uma vez sou grato pela parceria com a OAB-ES, que agora é diretamente responsável pela ampliação da oferta de educação na Penitenciária. E com a nova sala mobiliada, será possível também ofertar o ensino médio, que até então não havíamos implementado. Sendo que a evolução e a gestão humanizada é possível e exequível graças à atuação dos policiais penais, o apoio da Vara de Execuções Penais, por meio da magistrada titular, Patrícia Faroni, do Ministério Público e não poderia deixar de citar, claro, o apoio especial da CDH, por meio da presidente Manoela Soares”.

Por fim, Julio Cesar Nonato Viana, membro da Comissão, registra que “é muito gratificante como advogado e membro contribuir de forma a ofertar possibilidade de educação aos Reeducandos da PSC, principalmente para que os mesmos possam, após cumprirem a sua pena, saírem com o nível de escolaridade e profissional mais avançado”.  

keyboard_arrow_up