Evento Nacional

Congresso de Atualidades Jurídicas: Tendências e Direções futuras da OAB-ES reúne diversas personalidades jurídicas em Pedra Azul



 

O 1º Congresso de Atualidades Jurídicas: Tendências e Direções Futuras reuniu mais de duzentos participantes, entre personalidades de renome nacional do Direito, representantes da advocacia capixaba e empresários de destaque do Estado na última sexta-feira (17/05), na na Pousada e Cerimonial Itamaraty, em Pedra Azul. 

O evento, considerado o maior evento jurídico da região Sul do Estado, foi uma realização da OAB-ES por meio da Comissão Comissão Especial de Recuperação de Empresas e Falência, com apoio das Subseções de Cachoeiro de Itapemirim, Guarapari, Guaçuí, Alegre, Castelo, Itapemirim, Iúna, Venda Nova do Imigrante, Afonso Cláudio e Domingos Martins.

O Congresso também contou com a presença de diversos desembargadores do Tribunal de Justiça do Espírito Santo (TJES).

Clique aqui e confira as fotos 

A abertura oficial foi feita pelo presidente da OAB-ES, José Carlos Rizk Filho, e pela conselheira estadual e presidente da Comissão Especial de Recuperação de Empresas e Falência, Gabriela Campostrini, idealizadora do evento.  Fizeram parte da mesa, os ministros do Superior Tribunal de Justiça (STJ), Humberto Martins e Raul Araújo; a vice-presidente da OAB-ES, Anabela Galvão; o tesoureiro, Anderson Félis, o conselheiro federal da OAB, Alessandro Rostagno;  o procurador-geral de Justiça, Francisco Berdeal; o desembargador do TJES, Namyr Carlos de Souza Filho; o procurador do Estado, Jason Soares de Albergaria Neto; o diretor do Foro da Seção Judiciária do Espírito Santo, Rogério Moreira Alves, dentre outras autoridades  

Em seu pronunciamento, o presidente da OAB-ES, José Carlos Rizk Filho, saudou a  todos e todas e demonstrou a sua imensa alegria na realização do evento em Pedra Azul e reunir tantas personalidades e advocacia capixaba. “Nós hoje vivemos um dia histórico. Nunca no Sul do Estado do Estado do Espírito Santo foi realizado um evento tão prestigiado. É importante que nós da região da Grande Vitória saibamos que existe uma advocacia fora da capital também. Importante também chamar as autoridades para se aproximar do Espírito Santo e entender que o interior existe. Será um dia de muito enriquecimento e debate sobre Atualidades Jurídicas. Muito obrigado. Desejo um excelente congresso!”, ressaltou Rizk.

A conselheira estadual e presidente da Comissão Especial de Recuperação de Empresas e Falência, Gabriela Campostrini, convidou o Ministro do Superior Tribunal de Justiça, Humberto Martins, para abrir o evento com sua palestra magna e destacou a importância do tema do Congresso.

“É com grande honra e privilégio que damos início a esta palestra magna. Hoje, temos a distinta honra de contar com a presença do eminente ministro do Superior Tribunal de Justiça, o excelentíssimo ministro Humberto Martins, cuja sabedoria e experiência são pilares fundamentais na construção de um sistema jurídico mais justo e eficiente para todos os cidadãos”, destacou Campostrini.

“Neste encontro, mergulharemos em discussões profundas e relevantes sobre os temas mais atuais que moldam o cenário jurídico de nosso país e contribuirão para aprimorar nosso entendimento coletivo sobre a justiça e seus desdobramentos na sociedade. À medida que nos reunimos para absorver o conhecimento e a experiência que serão compartilhados, é essencial lembrarmos da relevância deste momento. As questões que serão abordadas nesta palestra não apenas refletem os desafios e oportunidades de nosso tempo, mas também lançam luz sobre os caminhos que devemos trilhar para construir um futuro mais justo, equitativo e próspero para todos os cidadãos”, ressaltou ainda.

Em seguida, o ministro do Superior Tribunal de Justiça (STJ), Humberto Martins, ministrou a palestra magna de abertura.

Durante todo o dia, foram abordados temas relevantes para a prática jurídica contemporânea, com o objetivo de oferecer uma visão abrangente e atualizada dos desafios e oportunidades enfrentados pelos profissionais do direito.

Já a palestra magna de encerramento contou com a participação do ministro do STJ,  Raul Araújo, e do advogado e ex-juiz do Tribunal de Justiça de São Paulo (TJSP), Daniel Carlos, abordaram sobre  “O financiamento do produtor rural na recuperação judicial” e “A evolução do tratamento legal da recuperação judicial do produtor rural”, respectivamente.

Após o evento, foi realizado um happy hour de confraternização entre os participantes do congresso.

 

keyboard_arrow_up